Advogado de direito de família RJ emite notícia sobre inadimplência de pensão alimentícia na pandemia

INADIMPLÊNCIA DE PENSÃO ALIMENTÍCIA – A 4ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios – TJDFT concedeu, por maioria, em sede de habeas corpus coletivo, ordem preventiva para determinar a suspensão do cumprimento de todas as ordens de prisão civil, no âmbito do Distrito Federal, decorrentes de inadimplemento de prestação alimentar.

Leia mais: Perda da guarda impede que mãe execute alimentos em nome próprio, decide Terceira Turma


A decisão, proferida no último dia 3/6/2020, determinou que os juízes das varas de família do DF e, eventualmente, precatórios, abstenham-se de analisar pedidos de prisão, decretá-la ou autorizar o cumprimento dos mandados, seja no curso dos procedimentos de cumprimento de sentença ou de execuções de alimentos.

A decisão levou em conta as medidas adotadas pelos governos federal e local para conter a pandemia da Covid-19 e é válida enquanto durar a situação de Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) ou o Estado de Transmissão Comunitária do coronavírus.

Dessa forma, o processo em segredo de Justiça.

Fonte: TJDFT

Tags: Direito de família, Inadimplência de Pensão Alimentícia, Advogado de Direito de Família RJ, Advogado de Direito de Família no Rio de Janeiro

Compartilhar